Em 2018, pouco mais da metade do PIB de Minas Gerais veio de apenas 18 municípios e a capital, Belo Horizonte, foi responsável por 15,0% do resultado total que, nesse ano, chegou a R$ 614,9 bilhões. Já o município com o maior PIB per capita (R$ 337.288,81) foi São Gonçalo do Rio Abaixo. De 2010 a 2018, Extrema foi o município com maior aumento de participação no PIB estadual (1,0 ponto percentual), impulsionado pelo comércio atacadista e serviços relacionados e pela indústria de transformação.

Clique aqui para ler o informativo.