Imprimir

Belo Horizonte e Uberl√Ęndia responderam por 22,5% do PIB estadual em 2014

Data de publicação .

Dados divulgados pela Fundação João Pinheiro apontam que outros 14 municípios geraram 27,5% do Produto Interno Bruto do Estado naquele ano

Em 2014, Belo Horizonte e Uberl√Ęndia concentraram 22,5% do Produto Interno Bruto (PIB) do Estado e respondiam por 15,2% da popula√ß√£o de Minas Gerais. ¬†Esse resultado consolida a segunda posi√ß√£o de Uberl√Ęndia, que, nos √ļltimos cinco anos, paulatinamente superou os munic√≠pios de Betim e Contagem. Chama a aten√ß√£o, ainda, o fato de que essa invers√£o de posi√ß√£o se deveu menos ao aumento da participa√ß√£o de Uberl√Ęndia, que oscilou em torno de 4,9% e 5,5%, do que da perda de participa√ß√£o de Betim (com redu√ß√£o de 6,7% em 2010 para 4,3% em 2014) e Contagem (diminui√ß√£o de 5,5% para 5,1% entre 2010 e 2014).

Juntos, os cinco munic√≠pios com maior participa√ß√£o no PIB mineiro (Belo Horizonte, Uberl√Ęndia, Contagem, Betim e Juiz de Fora) responderam por mais de 1/3 do total (Tabela 1).

No ranking brasileiro, Belo Horizonte manteve a quarta posição, superado por São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília.

Tabela 1: Participa√ß√£o dos dez munic√≠pios de maior PIB em 2014, posi√ß√£o no estado e no pa√≠s ‚Äď Minas Gerais ‚Äď 2010/2014

 

Fonte: Funda√ß√£o Jo√£o Pinheiro (FJP), Centro de Estat√≠stica e Informa√ß√Ķes (CEI) ‚Äď Instituto Brasileiro de Geografia e Estat√≠stica (IBGE), Coordena√ß√£o de Contas Nacionais (CONAC). Elabora√ß√£o: Funda√ß√£o Jo√£o Pinheiro (FJP), Centro de Estat√≠stica e Informa√ß√Ķes (CEI).

 

Apenas 10 dos 853 munic√≠pios mineiros responderam, em 2014, por 43,3% do PIB estadual, percentual inferior √†quele registrado em 2010 (46,0%), mas ainda assim evidenciando uma grande concentra√ß√£o, em linha com o cen√°rio de desigualdade socioecon√īmica que marca Minas Gerais, n√£o apenas no contexto regional/territorial, mas tamb√©m no √Ęmbito municipal.

O munic√≠pio de menor PIB no Estado foi Serra da Saudade, pertencente ao territ√≥rio Oeste, seguido por Cedro do Abaet√©, do territ√≥rio Central. No territ√≥rio Metropolitano, localizam-se dois entre os dez munic√≠pios de menor participa√ß√£o na produ√ß√£o: S√£o Sebastiao do Rio Preto e Passab√©m. Outros cinco munic√≠pios com os menores n√ļmeros pertencem ao territ√≥rio Mata (Olaria, Ant√īnio Prado de Minas, Senador Cortes, Aracitaba e Pedro Teixeira). J√° no territ√≥rio Vertentes, o munic√≠pio de Paiva respondeu pelo quinto menor PIB do estado.

PIB per capita - O PIB per capita de Minas Gerais foi de R$ 24.917,12 em 2014. Entre os 853 munic√≠pios mineiros, apenas 105 superaram esse valor. Entre os 10 munic√≠pios que apresentaram os maiores PIB per capita de Minas Gerais em 2014, cinco tinham como principal atividade a ind√ļstria extrativa mineral: S√£o Gon√ßalo do Rio Abaixo, Itatiaiu√ßu, Mariana, Nova Lima e Tapira, os quatro primeiros do Territ√≥rio Metropolitano e o √ļltimo do Tri√Ęngulo Sul.

J√° os dez munic√≠pios mineiros que registraram os menores valores de PIB per capita em 2014 caracterizaram-se pela pequena participa√ß√£o na popula√ß√£o total do Estado e atividade econ√īmica centrada em servi√ßos, com predomin√Ęncia da administra√ß√£o p√ļblica.¬† No total do Estado, a representa√ß√£o da administra√ß√£o p√ļblica no PIB correspondeu a 13,9%, ao passo que nesses munic√≠pios variou entre 55% e 65%.

 

Valor adicionado bruto setorial (VABS)

A agropecu√°ria apresentou a menor concentra√ß√£o da produ√ß√£o entre os munic√≠pios, comparativamente √†s demais atividades. Entre os dez munic√≠pios com maior valor adicionado agropecu√°rio, dois est√£o no territ√≥rio Tri√Ęngulo Sul (Uberaba e Perdizes), tr√™s no Noroeste (Una√≠, Paracatu, e Jo√£o Pinheiro), e cinco no Tri√Ęngulo Norte (Uberl√Ęndia, Patroc√≠nio, Estrela do Sul, Coromandel e Araguari). Uberaba apresentou o maior VAB agropecu√°rio de Minas Gerais.

A maior concentra√ß√£o espacial na gera√ß√£o do valor adicionado foi apresentada pela ind√ļstria. Em ordem decrescente de participa√ß√£o, tr√™s munic√≠pios acumularam 22,2% da atividade em 2014: Belo Horizonte (12,3%), Uberl√Ęndia (5,0%) e Contagem (4,9%).

No setor de Servi√ßos, apenas o munic√≠pio de Belo Horizonte concentrou 20% da produ√ß√£o em 2014. Os demais munic√≠pios com maior participa√ß√£o foram Contagem, Uberl√Ęndia, Betim, Juiz de Fora, Uberaba, Montes Claros, Ipatinga, Governador Valadares e Sete Lagoas.