Imprimir

Fundação João Pinheiro atua na estruturação da Subsecretaria de Políticas para as Mulheres

Data de publicação .

Parceria entre as institui√ß√Ķes tamb√©m contribui para a experi√™ncia pr√°tica dos alunos do curso de administra√ß√£o p√ļblica

A Fundação João Pinheiro (FJP) firmou, em novembro de 2015, termo de cooperação técnica com a Subsecretaria de Políticas para as Mulheres (SPM), da Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Participação Social e Cidadania (Sedpac), para o apoio na institucionalização das políticas para mulheres em Minas Gerais.

Criada em mar√ßo de 2015, a SPM tem como atribui√ß√£o construir pol√≠ticas de enfrentamento √† viol√™ncia contra as mulheres e de promo√ß√£o da sua autonomia econ√īmica. Para ajudar na estrutura√ß√£o da subsecretaria, a FJP ministrou oficinas de planejamento estrat√©gico, de indicadores, de or√ßamento para forma√ß√£o dos servidores e, por meio da Escola de Governo, levou os alunos do Curso de Administra√ß√£o P√ļblica (Csap) para uma atua√ß√£o efetiva no √≥rg√£o.

Divididos em oito grupos, os 39 estudantes da 34¬™ turma do Csap trabalharam durante o primeiro semestre de 2016 na organiza√ß√£o dos arquivos f√≠sicos e digitais atuais da SPM e tamb√©m dos herdados da extinta Coordenadoria Especial de Pol√≠ticas P√ļblicas para Mulheres (Cepam); na intera√ß√£o desta subsecretaria com as demais subsecretarias da Sedpac e Secretarias de Estado; e na constru√ß√£o de uma base de dados para a gest√£o dos recursos humanos da SPM. A presen√ßa dos alunos na Subsecretaria de Pol√≠ticas para as Mulheres fez parte da disciplina Projeto Aplicado II do Csap, que possibilita aos estudantes vivenciarem a pr√°tica, estabelecendo um di√°logo com a teoria, por meio da atua√ß√£o local nos √≥rg√£os da administra√ß√£o estadual.

As pesquisadoras da FJP e professoras da disciplina, Marina Amorim e Aparecida Shikida, consideram necess√°rio o v√≠nculo efetivo entre a Escola de Governo e o Estado para o desenvolvimento profissional dos alunos. Para Marina, al√©m da oportunidade que os estudantes tiveram de conhecer a realidade cotidiana de uma secretaria, os trabalhos desenvolvidos s√£o de grande import√Ęncia para a SPM, que conta com poucos recursos humanos e financeiros. ‚ÄúLogo ap√≥s a apresenta√ß√£o dos trabalhos, a Subsecretaria nos solicitou c√≥pia digital do material produzido para estabelecerem um cronograma de implementa√ß√£o de todas as ferramentas de gest√£o informacional elaboradas ao longo do semestre‚ÄĚ, conta.

Aparecida Shikida considera que foi um semestre de muita aprendizagem e oportunidades. ‚ÄúA parceria com a SPM foi fundamental na elabora√ß√£o dos trabalhos e alunos, professores e colaboradores da subsecretaria tiveram a chance de vivenciar experi√™ncias positivas e frut√≠feras para a organiza√ß√£o e gest√£o do Estado de Minas Gerais‚ÄĚ, acrescenta.

Para o aluno Luiz Fernando Prado, a experi√™ncia foi muito enriquecedora e essencial na sua forma√ß√£o como servidor p√ļblico. ‚ÄúEsse contato pr√≥ximo e ativo junto √† administra√ß√£o p√ļblica, de maneira gradual e orientada, √© fundamental para que n√£o tenhamos um choque ao adentrarmos futuramente os √≥rg√£os enquanto seus efetivos funcion√°rios‚ÄĚ, avalia.¬† Ele acredita que o mais importante na atua√ß√£o do grupo na gest√£o interna da subsecretaria foi o atendimento a uma demanda real do Estado. ‚ÄúEmbora os percal√ßos tenham sido grandes, conseguimos construir uma rela√ß√£o harmoniosa com a SPM e entregar bons produtos ao final da disciplina, que dever√£o de fato contribuir para o fortalecimento interno da recente subsecretaria e sua consolida√ß√£o no cen√°rio estadual‚ÄĚ, conclui.

No pr√≥ximo semestre, as atividades ser√£o realizadas no Centro Risoleta Neves de Atendimento (Cerna), que recebe mulheres em situa√ß√Ķes de viol√™ncia de g√™nero no √Ęmbito dom√©stico, oferecendo atendimento psicol√≥gico individualizado, acompanhamento social e orienta√ß√Ķes jur√≠dicas.

Csap - O curso de administra√ß√£o p√ļblica da Funda√ß√£o Jo√£o Pinheiro destina-se √† forma√ß√£o de servidores preparados para atuar nas √°reas de planejamento e avalia√ß√£o, administra√ß√£o financeira e or√ßament√°ria, contabilidade, moderniza√ß√£o da gest√£o, racionaliza√ß√£o de processos, gest√£o e tecnologia da informa√ß√£o, recursos log√≠sticos, materiais e humanos e administra√ß√£o patrimonial; e na formula√ß√£o, supervis√£o e avalia√ß√£o de pol√≠ticas p√ļblicas. O ingresso √© feito por meio de concurso p√ļblico anual, tendo como ferramenta de acesso o Exame Nacional do Ensino M√©dio (Enem). Depois de formados, os bachar√©is recebem o t√≠tulo de Especialistas em Pol√≠ticas P√ļblicas e Gest√£o Governamental (EPPGG) e s√£o nomeados para atuar em um dos diversos √≥rg√£os e entidades da administra√ß√£o direta, aut√°rquica e fundacional do poder executivo estadual.

 

Assessoria de Comunicação | Fundação João Pinheiro

O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.  | www.fjp.mg.gov.br

Informa√ß√Ķes para a imprensa: (31) 3448-9561 / 3448-9588

Siga a FJP no Twitter: https://twitter.com/_fjp_

Acompanhe a FJP no Facebook: http://www.facebook.com/fjpoficial